Lançamento de Setembro de 2011

Tradução exclusiva do Companion da Cambridge University Press, este volume da coleção Companions & Companions traz a multidisciplinaridade do pensamento de Thomas Hobbes, um dos nomes mais importantes estudados pela filosofia dos dias de hoje. Organizada pelo professor Tom Sorell, da Universidade de Essex, na Grã-Bretanha, a obra apresenta Hobbes não apenas como um teórico da moral e da política, mas como um pensador que transitava pelas mais diversas áreas, desde a metafísica e a epistemologia, passando pela história, direito, religião e até mesmo pelas variantes das ciências exatas. Os novos leitores e os não especialistas descobrirão neste o mais conveniente e acessível guia sobre Hobbes.

TOM SORELL é professor de Filosofia na Universidade de Essex. Autor de Hobbes (Routledge, 1986) e do volume da coleção Mestres do Passado, sobre Descartes (Oxford University Press, 1987); editou A Ascensão da Filosofia Moderna [The Rise of Modern Philosophy (Clarendon Press, 1993)]. Tom Sorell publicou muitos artigos sobre Hobbes, Descartes e sobre aspectos da historiografia do início da filosofia moderna. Trabalha em um livro sobre a reação contra as ideias cartesianas na filosofia do século XX.
HOBBES

Tom Sorell (Org.) / Vários Autores

Tradução: André Oídes
Tradução da Coleção Cambridge Companions
Título original: The Cambridge Companion to Hobbes
Páginas: 488
Edição: 1ª
Ano: 2011
Coleção: Companions & Companions
ISBN: 978-85-7698-116-9
Formato: 16 cm x 23 cm

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s